Brasil

Lei recente, que permite que agricultores iraquianos plantem trigo transgênico, é criticada, pois ela pode acabar com a diversidade genética da cultura em seu centro de origem. "Trigo transgênico significa substituir a diversidade genética dessa cultura, em seu centro de origem, e levá-la à extinção"

Recursos genéticos do trigo em perigo

O Ministério da Agricultura e o Ministério Público Federal (MPF) já estão no encalço de plantadores e vendedores de milho transgênico no Rio Grande do Sul

Brasil: fecha-se o cerco ao milho transgênico

A Câmara analisa o Projeto de Lei 5964/05, da deputada Kátia Abreu (PFL-TO), que autoriza a utilização de tecnologia genética de restrição de uso no plantio de transgênicos. Essa tecnologia é definida como o processo de intervenção humana na geração ou multiplicação de plantas geneticamente modificadas para produzir estruturas reprodutivas estéreis

Brasil: projeto permite tecnologia de restrição em transgênicos

Após ter minimizado a denúncia da venda ilegal de milho transgênico no Rio Grande do Sul, o superintendente da Agricultura no estado, Franciso Signor, confirmou ontem que as amostras analisadas a pedido do ministério indicaram contaminação de 93,5%, mais de três vezes superior ao valor encontrado pelo deputado estadual Frei Sérgio (PT), que tornou público o problema

Brasil: "O consumidor comerá carne transgênica" (sic): superintendente da Agricultura no estado

El 128º período de sesiones del Consejo de la FAO aprobó la organización de una Conferencia Internacional sobre Reforma Agraria y Desarrollo Rural “Nuevos desafíos y opciones para revitalizar las comunidades rurales” en Porto Alegre, Brasil, del 7 al 10 de marzo 2006

Conferencia Internacional sobre Reforma Agraria y Desarrollo Rural

Por FAO

A soja transgênica é assunto na imprensa brasileira, com maior ou menor intensidade, desde 1997 quando os agricultores gaúchos começaram a contrabandear grandes quantidades de sementes RR da Argentina

Brasil: os problemas ambientais da soja transgênica

A redução da diversidade vegetal, em função da expansão das monoculturas, tem historicamente levado a grandes infestações de insetos e epidemias de doenças. Os insetos e os patógenos encontram terreno fértil nestas áreas homogêneas devido à inexistência de controle natural. Isto leva a um aumento do uso de pesticidas, que após algum tempo perde a eficácia devido ao surgimento de resistência

Brasil: os problemas ambientais da soja transgênica

“Sumideros de carbono en los Andes Ecuatoriano. Impactos de las plantaciones forestales del proyecto holandés FACE-PROFAFOR sobre comunidades indígenas y campesinas” y “Plantaciones de eucalipto y producción de celulosa: promesas de empleo y destrucción del trabajo. El caso Aracruz Celulosa en Brasil”

Nueva colección del WRM sobre plantaciones

Por WRM