Organizaciones brasileras

Biodiversidad agrícola

Nos dias 25 e 26 de agosto de 2009, representantes de 80 organizações de agricultores, movimentos sociais, ONGs e de entidades de defesa dos consumidores de todo o País reuniram-se na cidade de Curitiba para debater a atual situação dos transgênicos e seus impactos sobre a biodiversidade, a saúde pública e os direitos de agricultores e consumidores.

Brasil: seminário sobre proteção da agrobiodiversidade e direitos dos agricultores

Transgénicos

"No dia 18 de junho último, 89 organizações da sociedade civil e movimentos sociais protocolizaram carta (anexa*) solicitando providências do Conselho Nacional de Biossegurança, presidido por Vossa Excelência, a respeito da contaminação de milhos convencionais, orgânicos e agroecológicos por milhos transgênicos, em total descompasso com a legislação brasileira".

Brasil: 89 entidades pedem suspensão do milho transgênico

Agroecología

Miles de brasileños y latinoamericanos, de las entidades, organizaciones y movimientos sociales, representados por 3.500 personas en la 8 ª Jornada de Agroecología en Paraná Francisco Beltrão, Brasil. Cuatro días de debates y rico intercambio de experiencias y la constante reafirmación de la lucha por una tierra libre de transgénicos y plaguicidas, por la Construcción de uno Proyecto para el pueblo soberano y la Agricultura.

Carta de la 8 ª Jornada de Agroecología, Brasil

Megaproyectos

Os povos da Bacia do Tapajós, reunidos no município de Itaituba, no Pará, divulgaram carta aberta se declarando contrários ao Complexo Hidrelétrico do Tapajós.

Brasil: povos da bacia do Tapajós rejeitam complexo hidrelétrico nos rios da região

Mais de 50 movimentos sociais, centrais sindicais, organizações de estudantes e entidades da sociedade civil assinam documento com propostas para o governo federal diante da crise econômica mundial, que será apresentado em reunião com ministros de Estado, na tarde desta quarta-feira (26/11), no Palácio do Planalto, em Brasília.

Brasil: entidades apresentam propostas ao governo federal em Brasília

"A ausência de um regime internacional sobre responsabilidade por danos ocasionados por organismos transgênicos têm sido um dos fortes elementos a contribuir para que as transnacionais que desenvolvem e manipulam estas tecnologias ajam em desacordo com o princípio da precaução, desconsiderando totalmente os riscos inerentes à biotecnologia, como foi o caso da recente liberação comercial de duas variedades de milho transgênicos liberados no Brasil"

Brasil: carta aberta sobre Protocolo de Cartagena de Biossegurança

O que se avalia é que a CTNBio, que deve atuar, como órgão técnico que é, para garantir a biossegurança, ancora-se na opção político-ideológica do Governo pelo agronegócio para manter-se avessa ao debate, ao contraditório, à transparência, à participação e mesmo à boa prática científica. Contudo, este ambiente não é hermético, e a atuação da sociedade civil tem encontrado em suas mobilizações, na Justiça e no Ministério Público formas de "furar o cerco" da tecnocracia e trazer para a arena pública debate tão importante sobre os rumos de nossa agricultura, alimentação, segurança e soberania alimentar, saúde e ambiente

Brasil: Justiça e MPF reconhecem desvios da CTNBio em 2007. Organizações esperam que Governo resolva desvios da Comissão em 2008

A nação brasileira vive uma grave e profunda crise, e está em perigo. O perigo que ameaça nossa nação é fruto da implantação da política neoliberal que favorece apenas o capital financeiro, nacional e internacional e as grandes corporações que se dedicam às exportações. Essa política aprofunda cada vez mais a pobreza, a desigualdade social e a miséria. BRASIL, EM NOSSAS MÃOS A MUDANÇA!

Em defesa do povo brasileiro! Manifesto do dia 7 de setembro